Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

Perdoe os outros por muitas coisas, mas não perdoe a si mesmo por nada.
Publilius Syrus
26/04/2022

Fóruns sociais discutem em Porto Alegre a democracia e a reforma trabalhista

De 26 a 30 de abril, Fórum Social das Resistências e Fórum Social Justiça e Democracia, terão como desafio central fortalecer a luta contra a extrema direita e retomar o desenvolvimento do país

Por Redação RBA

São Paulo – A partir desta terça-feira (26), terão início em Porto Alegre dois importantes eventos de mobilização e articulação dos movimentos sociais e políticos populares, progressistas e de esquerda: o Fórum Social das Resistências e o Fórum Social Justiça e Democracia. De terça até sábado (30), ambos os eventos terão como desafio central fortalecer a luta contra a extrema direita e retomar o desenvolvimento do país.

Os dois eventos pretendem produzir propostas para o debate internacional do Fórum Social Mundial (FSM2022) que será realizado no México, em maio.

Em entrevista, Silvana Conti, vice-presidenta da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil no estado (CTB/RS) e uma das principais articuladoras da ação nos fóruns, afirma que durante os eventos, “ocorrerão grandes encontros dos movimentos sociais, dos partidos políticos, das centrais sindicais. De amplos setores da sociedade que acreditam que nós podemos vencer. Que o amor pode vencer o ódio. Que a resistência e a luta valem a pena e que nós precisamos, com todas as forças que temos, construir a unidade para derrotar o nosso inimigo em comum”.

Ela reforça que “o nosso grande desafio em 2022 é derrotar Bolsonaro e o bolsonarismo, um projeto negacionista que ataca diariamente as instituições, colocando em risco o Estado democrático de direito; colocando em risco a vida do povo brasileiro, principalmente a vida das mulheres e, principalmente, das mulheres negras chefas de família”.

Projeto de nação

Silvana salienta que “estes ataques que nós sofremos diariamente precisam terminar e para isso, a gente precisa fazer um grande esforço, uma grande força-tarefa nacional para reconstruir o Brasil na perspectiva de um país democrático, soberano, com um projeto de nação cuja agenda esteja voltada para os trabalhadores e trabalhadoras, para as mulheres, os negros e as negras, povos indígenas e população LGBTQIA+, pessoas com deficiências, enfim, com todos, todas e todes que são brasileiros e brasileiras e que não aguentam mais essa situação: o alto preço do gás e dos alimentos; a fome, o desemprego, a violência política, a violência doméstica, enfim, todos os tipos de violência que o nosso povo tem sofrido”.

Por fim, Silvana destaca: “quem puder, venha para Porto Alegre, pega a sua bandeira, a sua esperança, a sua força e resistência e venha se somar com a gente. Serão espaços muito potentes, principalmente de construção de unidade e de agendas de luta. Nós, comunistas, sabemos fazer isso muito bem, isso está no nosso DNA. Temos a certeza de que podemos fazer florescer a esperança”.

A programação prevê a tradicional marcha de abertura na terça-feira (26), às 17h no Largo Glênio Peres, ao lado do Mercado Público e da Prefeitura Municipal da capital gaúcha.

Confira nos links abaixo a programação completa e a ficha de inscrições para participar:

Fórum Social das Resistências: Programação | Inscrições

Fórum Social Mundial Justiça e Democracia: Programação | Inscrições

Por Priscila Lobregatte, do Portal Vermelho

27 DE ABRIL

11h

Capitalismo, mundos do trabalho e as instituições públicas:contradições e perspectivas pós-pandemia

Proponentes: GT Mundos do Trabalho do Centro de Estudos Sindicais eEconomia do Trabalho da Universidade Estadual de Campinas(CESIT/Unicamp) e Associação Juízes para a Democracia (AJD)

Local: TRT4 – Auditório Cirne Lima

Participantes: Miguel Rossetto, Amarildo Cenci, Jose Dari Krein, Marilane O.Teixeira e Magda Biavaschi

14h

Capitalismo, regulação social do trabalho e o papel das cortesconstitucionais

Proponentes: ABJD e AJD

Local: TRT4 – Auditório Cirne Lima

Participantes: Ana Paula Alvarenga Martins, Magda Biavaschi, Luciana LucenaBarretto, Gustavo Ramos e Grijalbo Coutinho

16h30min

EIXO 01 – CAPITALISMO, DESIGUALDADES, RELAÇÕES SOCIAIS,MUNDOS DO TRABALHO E SISTEMAS DEMOCRÁTICOS DE JUSTIÇA

Local: Assembleia Legislativa – Auditório Dante Barone

Participantes: Jules Falquet, Creuza Oliveira e Miguel Rosseto

Mediação: Vanessa Patriota da Fonseca

16h30min

Fórum Social Trabalhista

Proponente: Associação Brasileira de Advogados Trabalhistas (ABRAT)

Local: UFRGS – Faced – Sala 304

Participantes: Otávio Pinto e Silva, Felipe Carmona, Maria Cristina Carrion eSilvia Burmeister

28 de ABRIL

14H

Ambientes de trabalho saudáveis: um outro Brasil é possível

Proponente: Associação Brasileira de Saúde do Trabalhador e Trabalhadora

Local: Auditório do Foro Central

Participantes: Valdete Souto Severo, Paulo Antônio B. Oliveira, Jussara MariaRosa Mendes e Luiz Scienza

14h

A urgência da revogação da reforma trabalhista: o que temos para olugar?

Proponentes: ABET e REMIR Trabalho

Local: Assembleia Legislativa – Fórum Democrático

Participantes: Dep. Vicentinho, Cássio Calvete, Vanius João Corte, VanessaPatriota e Paula Freitas

14:00

Democratização do sistema de justiça: uma construção necessária

Proponente: Federação Nacional dos Servidores do Judiciário nos Estados

Local: Memorial Luiz Carlos Prestes

15h30min

Lançamento pelo Sinait dos Livros “Resgates”,

Márcio Leitão (Org.) e“Trabalho Escravo na Indústria da moda no Brasil”, Lívia Ferreira eRenato Bignami (Orgs.)

19h

Lawfare contra a classe trabalhadora

Proponente: Instituto de Pesquisas e Estudos Avançados da Magistratura e do

MPT (IPEATRA)

Local: Virtual

Participantes: Mário Gambacorta, Valdete Severo, María Fariñas Dulce, María

Rosaria Barbato, Eduardo Manoel Val e Matías Bailone

Proponente: Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho (SINAIT)

Local: Casa de Cultura Mário Quintana – Mezanino

Participantes: Cláudia Márcia Ribeiro, Sérgio Carvalho e Renato Bignami

16h30min

Revoga Já -Reforma Trabalhista e a morte de Trabalhadores na Pandemia

Proponente: Fórum Nacional de Entidades

Local: Auditório do CPERS

Participantes: Vera Lúcia Araújo, Fábio Tibiriçá Bom, Valdete Souto Severo e

Ana Lucia Marchiori

19h

Capitalismo, desigualdades e a dissolução do mundo do trabalho.

O que fazer?

Proponente: AJD

Local: TRT4 – Auditório Cirne Lima

Participantes: Luiz Gonzaga Belluzzo, Jules Falquet, Creuza Maria De

Oliveira, Maria Elise Borges da Rosa e Magda Barros Biavascki Vera Lúcia

Sant'Anna Araújo e Marcelo Nogueira

29 de ABRIL

11H

Miradas revogatórias sobre as reformas laborais

liberalizantes: os exemplos da Espanha e da América Latina, em diálogo comparado

Proponente: GT Reforma Trabalhista na América Latina da CLACSO e AJD

Local: TRT4 – Auditório Cirne Lima

Participantes: Magda Barros Bivaschi, Alisson Droppa, Héctor Palomino, SilviaGarro, Graciela Bensusan e Márcia de Paula Leite

Fonte: Rede Brasil Atual
 
+ Capa

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br