Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

O sabio que tudo sabe é aquele que sabe que nada sabe.
Platão
08/10/2019

FGTS: texto da MP que muda regras veio do próprio governo, diz relator

Segundo deputado Hugo Motta, parecer final foi submetido a técnicos do primeiro escalão do Ministério da Economia

BRASÍLIA - O relator do parecer da Medida Provisória (MP) que muda as regras do FGTS, deputado Hugo Motta (Republicanos-PB), afirmou nesta segunda-feira que a redação especificamente desse ponto veio do próprio governo.

PUBLICIDADE

inRead invented by Teads

— O texto veio do governo. Posso ser derrotado, mas não abro mão desse ponto — afirmou o relator, que vem negociando a MP com o Ministério da Economia desde o início de setembro.

Leia: Bolsonaro diz ser contrário ao fim do monopólio da Caixa como operador do FGTS

O texto final do seu parecer foi submetido a técnicos do primeiro escalão do Ministério da Economia e da Secretaria de Governo na quinta-feira da semana passada. O parecer determina que as contas continuariam centralizadas na Caixa, que assumiria o papel de custodiante dos depósitos feitos pelos empregadores, mas teria de passar a disputar mercado com os bancos privados.

Leia também: O peso da indexação: reajuste obrigatório atinge R$ 1 trilhão dos gastos públicos

O relator criticou o argumento do presidente Jair Bolsonaro de que a medida afetaria as regiões Norte e Nordeste, sobretudo os programas sociais de habitação e saneamento. Ele lembra que a Caixa poderá continuar sendo agente operador só que, pelo dispositivo, terá que disputar mercado com os bancos privados.

— O objetivo é estimular a concorrência, dar maior eficiência à aplicação dos recursos e reduzir os custos para o FGTS — explicou.

FGTS: Calculadora faz simulação de quanto cada trabalhador vai receber no saque-aniversário

PUBLICIDADE

Imagem de uma calculadora

Calcule até quanto você poderá sacar do FGTS

Modalidade de saque-aniversário do Fundo terá, a partir de 2020, limite de acordo com o valor do saldo do trabalhador. Calcule aqui:

COMEÇAR

Calcule até quanto você pode sacar do FGTS

INSIRA O VALOR DO SEU SALDO

Ex: 2.000

PRÓXIMO

No seu caso, você poderá sacar:

R$ 0,00

A calculadora usa como base o saldo do trabalhador na data da simulação. O valor ficará sujeito a novos depósitos mensais, que serão feitos pelo empregador até a data do saque, e à correção de 3% mais Taxa Referencial (TR) ao ano.

Diante da reação, o presidente da comissão especial que discute a matéria, senador Chico Rodrigues (DEM-RR) e vice-líder do governo, decidiu que não ocorrerá nesta terça-feira a sessão na qual o relator faria a leitura do seu parecer.

Fonte: O Globo
 
+ Clipagem

Reforma da Previdência - 44 coisas que você não pode deixar de saber - Leiam a matéria em anexo. Repense, reavalie esta Reforma da Previdência proposta. Faça sua parte, ajude na di

Negociação coletiva é importante para patrão e empregados - Por André F. WatanabeO mundo do trabalho passa por constantes mudanças. Com elas, os desafios de compreender qu

Carreiras de Estado repudiam estratégia do governo de culpar servidor pela crise econômica - O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate) divulgou nesta sexta-feira (1º) nota à imprensa e à sociedade repudiando a es

ANFIP - TCU suspende pagamento de bônus para aposentados - A ANFIP publicou matéria sobre a suspensão do pagamento de bônus para aposentados e pensionista. A notícia está assim re

Dívida Explode. Por que? - Dívida explode. Por que?Auditoria Cidadã da Dívida25/7/2017Hoje os jornais alegam que a dívida pública federal

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br