Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

Nossos pensamentos, conforme forem bons ou maus, podem nos conduzir ao paraíso ou ao inferno; isso não acontece nem no céu nem embaixo da terra, mas aqui, nessa vida.
Lucy Malory
23/10/2018

Em meio à polêmica sobre STF, Bolsonaro recebe visita de ministro do TST

Encontro durou cerca de uma hora e ministro deixou o local sem falar com a imprensa

7

O ministro do TST Ives Gandra da Silva Martins Filho durante entrevista com jornalistas

O ministro do TST Ives Gandra da Silva Martins Filho durante entrevista com jornalistas - Alan Marques - 05.jul.2016/ Folhapress

22.out.2018 às 11h11

Atualizado: 22.out.2018 às 14h49

ERRAMOS

Diminuir fonte Aumentar fonte

Talita Fernandes

RIO DE JANEIRO

Um dia após declaração de um de seus filhos sobre fechamento do STF (Supremo Tribunal Federal) ter causado reação no Judiciário, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) se reuniu na manhã desta segunda-feira (22) com o ministro do TST (Tribunal Superior do Trabalho) Ives Gandra Martins Filho.

De acordo com assessores do candidato, o encontro durou cerca de uma hora e foi agendado por intermédio de Carla Zambelli, eleita deputada federal pelo PSL em São Paulo.

A agenda foi fechada e o ministro do TST deixou a casa de Bolsonaro, na Barra da Tijuca, sem falar com a imprensa. O motivo do encontro não foi divulgado.

Ives Gandra já presidiu o TST, defende a reforma trabalhista e foi cotado para assumir uma vaga no STF pelo presidente Michel Temer, que acabou ocupada pelo atual ministro da corte, Alexandre de Moraes.

Ele é filho do jurista Ives Gandra Martins, que já declarou voto em Bolsonaro.

A visita ocorre um dia após um vídeo em que o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidenciável, ter ganhado repercussão.

Durante aula para um cursinho preparatório, em julho deste ano, ele disse que para fechar o STF bastaria um cabo e um soldado.

O deputado respondia a um questionamento sobre a possibilidade de seu pai ser impedido pelo STF de tomar posse caso seja eleito.

A jornalistas, no domingo (21), Bolsonaro disse desconhecer o vídeo, negou a possibilidade de fechamento da corte e disse que a fala do filho deve ter sido tirada de contexto.

"Se alguém falou em fechar o STF, precisa consultar um psiquiatra", disse.

A declaração do deputado federal provocou desconforto na campanha e reação do Judiciário.

1 18

Às vésperas do 2º turno, manifestantes fazem ato favorável a Bolsonaro

Minha Folha

Voltar Facebook Whatsapp Twitter Messenger Google Pinterest Linkedin E-mail Copiar link

https://fotografia.folha.uol.com.br/galerias/nova/1614990871939655-as-vesperas-do-2-turno-manifestantes-fazem-ato-favoravel-a-bolsonaro#foto-1614990871985619

Loading

O decano do STF, ministro Celso de Mello, enviou declaração por escrito à Folha dizendo que a afirmação de Eduardo é coisa de "inconsequente e golpista".

A menos de uma semana do segundo turno, Bolsonaro deve ter poucas agendas públicas. Ele deve permanecer em casa na maior parte do tempo recebendo visitas.

Sua equipe defende o mínimo de exposição possível já que ele ainda se recupera de uma facada sofrida em 6 de setembro.

A larga vantagem que o candidato apresenta nas pesquisas eleitorais em relação a seu adversário, Fernando Haddad (PT), permite que ele permaneça em casa administrando a campanha pelas redes sociais.

De acordo com Datafolha, ele tem 59% dos votos válidos contra 41% do candidato do PT.

"Estamos iniciando a última semana a caminho de, se Deus quiser, nossa nova Independência! Vamos tirar o Brasil do vermelho e devolvê-lo aos brasileiros", escreveu Bolsonaro nas redes sociais na manhã desta segunda.

Diferentemente do escrito em versão anterior deste texto, TST é o Tribunal Superior do Trabalho e não Eleitoral.

TÓPICOS

 
+ Clipagem

Negociação coletiva é importante para patrão e empregados - Por André F. WatanabeO mundo do trabalho passa por constantes mudanças. Com elas, os desafios de compreender qu

Carreiras de Estado repudiam estratégia do governo de culpar servidor pela crise econômica - O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate) divulgou nesta sexta-feira (1º) nota à imprensa e à sociedade repudiando a es

ANFIP - TCU suspende pagamento de bônus para aposentados - A ANFIP publicou matéria sobre a suspensão do pagamento de bônus para aposentados e pensionista. A notícia está assim re

Dívida Explode. Por que? - Dívida explode. Por que?Auditoria Cidadã da Dívida25/7/2017Hoje os jornais alegam que a dívida pública federal

Vladimir Safatle alerta para o fim do emprego - Nunca na história da República o Congresso Nacional votou uma lei tão contrária aos interesses da maioria do povo brasil

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br