Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

Pessimista é um otimista bem informado.
Autor Desconhecido
31/05/2017

Relator diz que reforma trabalhista deve ser votada em plenário antes do recesso

- O relator da reforma trabalhista, senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), estimou que o projeto tem condições de ser aprovado no plenário do Senado antes do recesso de julho. Para ele, a proposta estará pronta para votação em cerca de três semanas, após passar pelas comissões de Assuntos Econômicos (CAE), de Assuntos Sociais (CAS) e de Constituição e Justiça (CCJ).

A CAE encerrou na tarde desta terça-feira, após quase cinco horas de sessão, a discussão do relatório da reforma trabalhista. A ideia inicial era votar o projeto hoje na comissão, mas um acordo costurado entre governo e oposição jogou a votação para a próxima terça-feira.

Com o acordo, o governo acalma a oposição, que estava irritada com o fato de, na última sessão, o presidente da CAE, Tasso Jereissati (PSDB/CE), ter reaberto a reunião às pressas, após um tumulto, e dado o relatório como lido, mesmo sem ter havido a leitura de fato. Além disso, a base tem mais tempo para se organizar para que o projeto seja aprovado na comissão sem sustos. Também na última sessão, o governo passou aperto e ganhou por apenas dois votos um requerimento da oposição para adiar a leitura do relatório.

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR) afirmou que o acordo não pode ser considerada como uma derrota do governo. Ele garantiu que há todos os votos necessários para aprovar a reforma na CAE.

PUBLICIDADE

— Não é medo de perder. Nós entramos na sessão com a oposição dizendo que não tinha sido lido e não tinha sido dado vistas, nós provamos que tinha sido lido e que tinha se dado vistas, nós discutimos o projeto e saímos da sessão hoje encerrada a discussão e prontos para votação na terça-feira sem nenhum questionamento. Isso é uma vitória da base do governo.

Uma vez aprovada na CAE, a matéria tem que ser apresentada na CAS, onde deve haver um pedido de vistas, o que só permite que a votação ocorra uma semana depois. Após isso, vai para a CCJ e para o plenário.

 
+ Clipagem

Reforma da Previdência - 44 coisas que você não pode deixar de saber - Leiam a matéria em anexo. Repense, reavalie esta Reforma da Previdência proposta. Faça sua parte, ajude na di

Negociação coletiva é importante para patrão e empregados - Por André F. WatanabeO mundo do trabalho passa por constantes mudanças. Com elas, os desafios de compreender qu

Carreiras de Estado repudiam estratégia do governo de culpar servidor pela crise econômica - O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate) divulgou nesta sexta-feira (1º) nota à imprensa e à sociedade repudiando a es

ANFIP - TCU suspende pagamento de bônus para aposentados - A ANFIP publicou matéria sobre a suspensão do pagamento de bônus para aposentados e pensionista. A notícia está assim re

Dívida Explode. Por que? - Dívida explode. Por que?Auditoria Cidadã da Dívida25/7/2017Hoje os jornais alegam que a dívida pública federal

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br