Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

Quanto mais corrupto for o país, mais leis ele terá
Tácito
26/08/2016

Defesa da autonomia e denúncia marcam lançamento da Frente Parlamentar do Fisco

Foi lançada na manhã desta terça-feira (23), a Frente Parlamentar em Defesa do Fisco, no auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados.

O evento reuniu centenas de pessoas, entre auditores-fiscais dos três entes federativos e parlamentares que fazem parte da Frente, que visa intensificar os debates sobre questões relacionadas à administração tributária brasileira, como autonomia e prerrogativas dos Fiscos, segurança funcional e melhores condições de trabalho.

O presidente da Febrafite, Roberto Kupski, destacou em sua manifestação a atuação dos parlamentares Major Olímpio (SD-SP), Arnaldo Faria de Sá (PDT-SP) e o presidente da Frente, deputado Cabo Sabino (PR-CE), que defenderam os servidores públicos na votação do PLP 257/15, garantindo a retirada das contrapartidas na renegociação da dívida dos Estados com a União, que prejudicariam a todo o funcionalismo, congelando ajustes salariais por dois anos, entre outros itens.

Kupski folou ainda sobre a necessidade reavaliar os atuais e futuros programa de renúncias de receitas públicas que acontecem no Brasil. Ele também manifestou que a não realização de concurso público para auditor-fiscal também representa uma forma de renúncia. “Nenhum projeto do ajuste fiscal encaminhado para esta casa fala sobre as renúncias de receitas públicas”, criticou.

Presidida pelo deputado Cabo Sabino (PR-CE), a iniciativa representa uma importante conquista das entidades representativas do Fisco nos três entes federativos, entre elas a Febrafite. Representando o Fisco estadual, participaram do lançamento delegações de diversos estados, com destaque para a de Minas Gerais (Affemg) e a de São Paulo (Afresp), que trouxeram mais de trinta de pessoas cada uma.

O vice-presidente da Febrafite e presidente da filiada paulista, Rodrigo Keidel Spada, considerou que o evento de lançamento foi importante e agora é preciso estabelecer uma pauta consolidada de reivindicações e uma agenda propositiva de trabalho. “As entidades representativas dos fiscos devem, unidas, aglutinar e encaminhar os pleitos comuns”, disse Spada.

Para o presidente da Frente Parlamentar, deputado Cabo Sabino (PR-CE), a Frente é um caminho para o fortalecimento do Fisco brasileiro e para que todos recebam o justo reconhecimento pelo trabalho prestado à população. “Juntos, sem partidarismos, vamos trabalhar em parceria com o Fisco.A Frente vai trabalhar por vários projetos de interesse da categoria”, afirmou.

No mesmo sentido, o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), vice-presidente do colegiado, disse que é hora de somar todos os esforços, inclusive com presença constante das entidades no Congresso Nacional. “O trabalho de vocês é fundamental para cobrar dos deputados na Câmara e nos estados”, avaliou. Já para o deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB/PR), também vice-presidente da Frente Parlamentar, o Brasil não vai sair da atual situação se não houver reformas estruturantes.

Diversos parlamentares prestigiaram o lançamento, como Aelton Freitas (PR-MG), Aliel Machado (Rede-PR), Arnaldo Jordy (PPS-PA), Carlos Gomes (PRB-RS), Edmilson Rodrigues (Psol-PA), Esperidião Amin (PP-SC), Evair de Melo (PV-ES), Gonzaga Patriota (PSB-PE), Gorete Pereira (PR-CE), Heitor Schuch (PSB-RS), Hiran Gonçalves (PP-RR), Izalci Lucas (PSDB-DF), Leonardo Quintão (PMDB-MG), Márcio Marinho (PRB-BA), Mário Negromonte Júnior (PP-BA), Nelson Marquezlli (PTB-SP), Nelson Padovani (PSDB-PR), Nelson Pellegrino (PT-BA), Paulo Feijó (PR-RJ), Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE), Raquel Muniz (PSD-MG), Rogério Rosso (PSD-DF) e Tadeu Alencar (PSB-PE).

A Frente Parlamentar foi instalada no dia 10 de março. Fazem parte iniciativa as entidades nacionais do Fisco: Febrafite, Fenafisco, Fenat, Fenafim, Sindifisco Nacional, Unafisco e Anfip.

Vídeo institucional da Febrafite apresentado ontem por ocasião do lançamento da Frente.

PLC 015/2016 do Executivo do ES ameaça o Fisco e a sociedade

Roberto Kupski encerrou sua manifestação denunciando o Projeto de Lei Complementar nº 015/2016, do governo do Estado do Espírito Santo, que dispõe sobre de cargos de provimento em comissão da estrutura organizacional da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz/ES), trazendo em seu bojo inúmeros malefícios à sociedade capixaba, na medida em que retira a exclusividade do provimento de cargos destinados às Carreiras Típicas de Estado, conforme preceitua a Constituição Federal, art. 37, inciso XXII. O projeto foi encaminhado nesta segunda-feira (22) em regime de urgência à Assembleia Legislativa capixaba.

Se aprovado, o governo poderá preencher mais de cem cargos na administração tributária para qualquer pessoa, não integrantes dos quadros de servidores da Sefaz/ES. “Isto é um absurdo. Esta frente deve se manifestar e pedir a retirada imediata do projeto na Assembleia Legislativa. Vão indicar quem para ocupar esses cargos? Os amigos que ficarão no período do mandato político e sem nenhuma qualificação?”, questionou o presidente da Febrafite.

O projeto contraria o art. 37, inciso XXII, da Constituição Federal, afronta o sigilo fiscal e fragiliza o erário público. “Por essa razão, nós precisamos da lei orgânica do Fisco para regulamentar a carreira de auditor fiscal como essencial ao Estado e livre de ingerências políticas”, concluiu.

Fonte: Febrafite
 
+ Clipagem

Reforma da Previdência - 44 coisas que você não pode deixar de saber - Leiam a matéria em anexo. Repense, reavalie esta Reforma da Previdência proposta. Faça sua parte, ajude na di

Negociação coletiva é importante para patrão e empregados - Por André F. WatanabeO mundo do trabalho passa por constantes mudanças. Com elas, os desafios de compreender qu

Carreiras de Estado repudiam estratégia do governo de culpar servidor pela crise econômica - O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate) divulgou nesta sexta-feira (1º) nota à imprensa e à sociedade repudiando a es

ANFIP - TCU suspende pagamento de bônus para aposentados - A ANFIP publicou matéria sobre a suspensão do pagamento de bônus para aposentados e pensionista. A notícia está assim re

Dívida Explode. Por que? - Dívida explode. Por que?Auditoria Cidadã da Dívida25/7/2017Hoje os jornais alegam que a dívida pública federal

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br