Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

Quanto mais corrupto for o país, mais leis ele terá
Tácito
08/07/2016

Senado aprova reajuste dos servidores

Os projetos compõem o pacote de reajuste aprovado na Câmara em 1º de junho, sob críticas da nova oposição ao governo interno de Michel Temer.

Com informações: Congresso em Foco

Publicado em 06/07/2016 às 18:33 | Atualizado em 06/07/2016 às 18:39

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou na tarde desta quarta-feira (6) oito projetos que reajustam salários de servidores de órgãos da administração pública federal, como Advocacia-Geral da União, Tribunal de Contas da União e Forças Armadas. Agora as propostas seguem para análise da Comissão de Assuntos Econômicos e, se forem aprovadas, vão a votação no plenário.

O PLC 30/2016, que recebeu parecer favorável no último dia 16 do senador Vicentinho Alves (PR/TO), concede reajuste escalonado, começando por 5,5% a partir de janeiro de 2016, para os servidores da Câmara dos Deputados. “Não obstante o momento de ajuste fiscal na política do governo federal, o reajuste gradual em quatro parcelas até 2019 destina-se apenas a compensar parte do impacto inflacionário sobre a remuneração dos servidores pelos próximos exercícios, evitando-se assim uma provável defasagem nas carreiras da Câmara dos Deputados e a insatisfação dos servidores com relação à instituição para a qual prestam serviços de tamanha relevância para a nação”, disse o senador em seu parecer apresentado à CCJ.

Dos oito projetos aprovados, três ficaram a cargo do senador José Maranhão (PMDB/PB), que emitiu parecer favorável para todos. Um deles, o PLC 31/2016 estabelece o reajuste de 12,98% em 2016 para os servidores efetivos do TCU. “O TCU é dotado de corpo técnico de excelência. A preservação de um quadro de pessoal qualificado pressupõe o oferecimento de remuneração condizente com a sua formação e competência”, escreveu Maranhão no parecer, que também destacou que o aumento “é o que o Estado pode oferecer, neste cenário de crise econômica e contenção de gastos”.

O PLC 33/2016, relatado pelo senador Romero Jucá (PMDB/RO), recompõe perdas remuneratórias com a inflação de diversas categorias ligadas ao Poder Executivo e o PLC 34/2016 altera regras de remuneração, promoção e incorporação de gratificação de servidores públicos da área de educação.

Os projetos compõem o pacote de reajuste aprovado na Câmara em 1º de junho, sob críticas da nova oposição ao governo interno de Michel Temer (PMDB), formada por partidos como PT, PCdoB e Psol. O conjunto de proposições tem prognóstico de impacto financeiro de cerca de R$ 60 bilhões até 2019.

Confira as íntegras dos demais projetos de reajuste:

Leia a íntegra do PLC 30/2016

Leia a íntegra do PLC 31/2016

Leia a íntegra do PLC 33/2016

Leia a íntegra do PLC 34/2016

Leia a íntegra do PLC 35/2016

Leia a íntegra do PLC 36/2016

Leia a íntegra do PLC 37/2016

Leia a íntegra do PLC 38/2016

FONACATE COMUNICAÇÃO PROJETOS EVENTOS

Carreiras Típicas de Estado

A Instituição

O Fórum

Entidades

Diretoria

Estatuto

Notícias

Clipping

Galeria de Mídia

Links

Notas Oficiais

Acompanhamento Parlamentar

Artigos

Documentos Fonacate

Todos os Eventos

Próximos Eventos

Eventos Anteriores

Fonte: Senado / Fonacate
 
+ Clipagem

Reforma da Previdência - 44 coisas que você não pode deixar de saber - Leiam a matéria em anexo. Repense, reavalie esta Reforma da Previdência proposta. Faça sua parte, ajude na di

Negociação coletiva é importante para patrão e empregados - Por André F. WatanabeO mundo do trabalho passa por constantes mudanças. Com elas, os desafios de compreender qu

Carreiras de Estado repudiam estratégia do governo de culpar servidor pela crise econômica - O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate) divulgou nesta sexta-feira (1º) nota à imprensa e à sociedade repudiando a es

ANFIP - TCU suspende pagamento de bônus para aposentados - A ANFIP publicou matéria sobre a suspensão do pagamento de bônus para aposentados e pensionista. A notícia está assim re

Dívida Explode. Por que? - Dívida explode. Por que?Auditoria Cidadã da Dívida25/7/2017Hoje os jornais alegam que a dívida pública federal

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br