Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

Quanto mais espiritual o individuo faz a sua vida, menos medo ele terá da morte. Para uma pessoa espiritual a morte significa libertar o espírito do corpo. Tal pessoa sabe que as coisas com as quais vive não podem ser destruidas
Leon Tolstoi
04/11/2015

País precisa sair do precipício fiscal, alerta dirigente da Nova Central

Sebastião Soares defende mudanças urgentes na economia

O mineiro Sebastião Soares é diretor nacional de Formação Sindical e Qualificação Profssional da Nova Central Sindical dos Trabalhadores e preside a Agência Social. É dono de vasta formação - jornalista, professor universitário e filósofo.

Ele acaba de publicar o artigo “Outros caminhos - a mudança necessária do governo Dilma”, onde analisa o “precipício fiscal” do País, aponta a sangria das finanças públicas pelo pagamento da dívida pública e denuncia: “Os custos dessa política de austericídio são impiedosos e elevados, ceifam esperanças e imolam inocentes”. O professor alerta: “É preciso mudar. Outro caminho é necessário, antes que seja tarde”.

Sexta, dia 30, Sebastião Soares falou à Agência Sindical, que publica seu artigo em nosso site e o divulga também via redes sociais. O filósofo esclarece que os dados de seu texto são oficiais: “São dados do Tesouro e do Orçamento”. Ele lança o desafio para o sindicalismo ampliar o debate do tema e explicar aos trabalhadores o impacto “do sentido das reformas, que ostenta a estrela da austeridade fiscal e do arrocho”.

A dificuldade de comunicar esse impacto aos trabalhadores é real. Para Sebastião Soares, “o caminho, primeiro, é municiar a vanguarda sindical, intelectual e dos movimentos populares”, entre os quais ele inclui o MST, que já alertou para o aumento da dívida do Pronaf. Ele também orienta que a imprensa sindical e o setor progressista da blogosfera devem massificar essa comunicação.

Números - O dirigente da nova Central vê um avanço do mercado sobre o Estado. Os números do Orçamento Geral da União mostram isso. Veja: em 2013, Previdência - 24,1%; serviços da dívida - 40,36%. Em 2014, Saúde - 4% (menos 0,3%); serviços da dívida - 45,1%. Em 2015, Estados e municípios - 8,5% (em 2013 receberam 10,46%); serviços da dívida - 47,4%.

Outros números expressam essa inversão, ao se verificar que a Educação perdeu, por decreto deste ano, R$ 22,7 bilhões. Sebastião aponta: “Os vencimentos previstos da dívida pública somam R$ 571 bilhões e os encargos chegam a R$ 63 bilhões”.

Ao propor um novo modelo de desenvolvimento - citando Celso Furtado, Leonel Brizola e Darcy Ribeiro - Sebastião Soares orienta que a reação precisa ter foco. Ele diz: “Há que atuar no Congresso Nacional no debate da Lei de Diretrizes Orçamentárias, onde são fixados os tetos para Saúde, Educação e investimentos públicos”. E questiona: “Se existe limite a essas áreas, por que não haverá teto quanto ao pagamento da dívida interna?”.

Fonte: Agência Sindical
 
+ Clipagem

Reforma da Previdência - 44 coisas que você não pode deixar de saber - Leiam a matéria em anexo. Repense, reavalie esta Reforma da Previdência proposta. Faça sua parte, ajude na di

Negociação coletiva é importante para patrão e empregados - Por André F. WatanabeO mundo do trabalho passa por constantes mudanças. Com elas, os desafios de compreender qu

Carreiras de Estado repudiam estratégia do governo de culpar servidor pela crise econômica - O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate) divulgou nesta sexta-feira (1º) nota à imprensa e à sociedade repudiando a es

ANFIP - TCU suspende pagamento de bônus para aposentados - A ANFIP publicou matéria sobre a suspensão do pagamento de bônus para aposentados e pensionista. A notícia está assim re

Dívida Explode. Por que? - Dívida explode. Por que?Auditoria Cidadã da Dívida25/7/2017Hoje os jornais alegam que a dívida pública federal

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br