Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

Todas as criaturas vivas tem a mesma origem divina, todas elas são unidade. Todos nós somos membros de um grande corpo.
Leon Tolstoi
05/10/2015

Miguel Rossetto assumirá terceiro ministério no governo Dilma

Petista comandará a nova pasta do Trabalho e da Previdência Social.

Antes, ele comandou a Secretaria-Geral e o Desenvolvimento Agrário.

Do G1, em São Paulo

Miguel Rossetto, em imagem de arquivo (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)Miguel Rossetto foi anunciado nesta sexta-feira (2) pela presidente Dilma Rousseff como o novo ministro das pastas de Trabalho e Previdência, unificadas em um ministério após reforma do governo.

No final de 2014, Rossetto assumiu como o novo ministro da Secretaria-Geral da Presidência. Desde março daquele ano, ele chefia o Ministério do Desenvolvimento Agrário, pasta que comandou entre 2003 e 2006, durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

NOVOS MINISTROS

Dilma faz mudanças no 1º escalão8 ministérios são cortados

perfis: quem entra e quem sai

composição por partido

repercussão na política

opinião: beth cataldo

Natural do Rio Grande do Sul, Rossetto, 53 anos, já havia confirmado no último dia 18 que assumiria o Secretária-Geral e afirmou, inclusive, que já havia iniciado o processo de transição com o atual ministro da pasta, Gilberto Carvalho.

Nas eleições deste ano, ele se licenciou do Ministério do Desenvolvimento Agrário no início de setembro para assumir a coordenação da campanha à reeleição de Dilma. Rossetto retornou ao comando da pasta após o segundo turno da eleição.

Na campanha, ele atuou na definição de estratégias para enfrentar eventuais ataques de adversários da presidente na corrida pelo Palácio do Planalto. Dilma e Rossetto trabalharam juntos no governo gaúcho durante a gestão de Olívio Dutra (1999-2002). À época, ele era vice-governador do Estado e ela comandava a Secretaria de Minas, Energia e Telecomunicações. Mais tarde, os dois voltaram a ser colegas no governo Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2010).

Um dos fundadores do PT, Miguel Rossetto integrou a primeira executiva nacional do partido, em 1979. Iniciou sua militância política na década de 1970, organizando a oposição ao Sindicato dos Metalúrgicos de São Leopoldo (RS) e, entre 1986 e 1992, presidiu o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Polo Petroquímico de Triunfo (RS). Também integrou a executiva estadual da Central Única dos Trabalhadores (CUT).

Em 1982, foi candidato a deputado estadual, mas apenas em 1996, conseguiu se eleger para um mandato de deputado federal pelo Rio Grande do Sul. Em 1998, foi eleito vice-governador do estado, na chapa encabeçada por Olívio Dutra. Na gestão seguinte, foi candidato a vice de Tarso Genro, mas os dois acabaram perdendo a eleição.

A convite de Lula, assumiu o Ministério do Desenvolvimento Agrário em 2003. Rossetto ficou no comando da pasta até 2006, quando se desligou para concorrer a uma vaga no Senado, mas acabou derrotado. Em 2009, assumiu a presidência da Petrobras Biocombustível, cargo em que permaneceu até retornar ao Ministério do Desenvolvimento Agrário em março deste ano.

Fonte: g1
 
+ Clipagem

Brasil vive apagão estatístico sobre mercado de trabalho - Sem dados de IBGE, Caged e seguro-desemprego, país pode ficar sem saber dano do coronavírusFernanda Brigatti

Reforma da Previdência - 44 coisas que você não pode deixar de saber - Leiam a matéria em anexo. Repense, reavalie esta Reforma da Previdência proposta. Faça sua parte, ajude na di

Negociação coletiva é importante para patrão e empregados - Por André F. WatanabeO mundo do trabalho passa por constantes mudanças. Com elas, os desafios de compreender qu

Carreiras de Estado repudiam estratégia do governo de culpar servidor pela crise econômica - O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate) divulgou nesta sexta-feira (1º) nota à imprensa e à sociedade repudiando a es

ANFIP - TCU suspende pagamento de bônus para aposentados - A ANFIP publicou matéria sobre a suspensão do pagamento de bônus para aposentados e pensionista. A notícia está assim re

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br