Pesquisa Notícias:
   
 
INSTITUCIONAL
Sobre a Agitra
Diretoria
Estatuto Social
 
SERVIÇOS
Verbo
Convênios
Turismo
WikiTrabalho
Pesquisa Conteúdo
Fale Conosco
Acesso Restrito
 
DIÁLOGOS COM A AUDITORIA DO TRABALHO

Segurança e as Novas Tecnologias na Construção Civil

Higiene Ocupacional: Quebrando Paradigmas

Mas há de vir o tempo em que os homens terão tanta repulsa pela carne de animais quanto tem agora pela carne humana
A.Lamartine
21/08/2013

GEAP: atendimento é normal em todo o país

Após a ANS anunciar suspensão da venda de planos de saúde, operadoras recorreram à Justiça, que determinou a revisão dos cálculos das reclamações de usuários

A Agência Nacional de Saúde - ANS anunciou, nesta terça-feira, 20 de agosto, a suspensão da venda

de novos planos de saúde de 26 operadoras, entre elas, a Geap, opção de muitos Auditores-Fiscais do Trabalho e dependentes. A decisão é resultado de um monitoramento da ANS sobre as operadoras dos planos, que leva em conta as reclamações dos usuários sobre atraso na marcação de consultas e procedimentos e a negativa em coberturas. A suspensão da venda vale a partir da próxima sexta-feira, 23 de agosto.

O Sinait entrou em contato com a assessoria da Geap, que informou que o atendimento continua normal em todo o país e que a Fundação está buscando informações junto à ANS para verificar o que motivou a sua inclusão entre os planos suspensos. Segundo a assessoria, a Geap cumpre rigorosamente todas as exigências da ANS e, caso haja alguma irregularidade, será imediatamente sanada.

A seguinte nota foi colocada no site da Geap:

?Atendimento continua normal

A GEAP está averiguando a ocorrência de eventual descumprimento de prazo que motivasse a decisão da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) de suspender os seus planos de saúde. Entretanto, é importante destacar que o atendimento aos beneficiários continua normal em todo o país.?

Decisão judicial

Algumas operadoras, em razão da decisão da ANS, entraram na Justiça, e obtiveram liminar determinando que a ANS refaça alguns cálculos das reclamações dos usuários devido à existência de reclamações que "não foram objeto de análise", outras que ainda aguardam a "realização de diligências" e ainda aquelas que não têm ?obrigatoriedade de cobertura" pelos planos, "até o julgamento definitivo do presente agravo de instrumento".

A ANS ainda não se pronunciou a respeito.

Leia matéria do site da ANS sobre o balanço da situação das operadoras de planos de saúde. Clique aqui.

Leia, ainda, matérias da Folha on line sobre a suspensão da venda dos planos e sobre a decisão judicial.

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/08/1329062-governo-suspende-venda-de-246-planos-de-26-operadoras.shtml

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/08/1329195-justica-ordena-que-ans-recalcule-reclamacoes-antes-de-suspender-planos.shtml

Fonte: Sinait
 
+ Clipagem

Negociação coletiva é importante para patrão e empregados - Por André F. WatanabeO mundo do trabalho passa por constantes mudanças. Com elas, os desafios de compreender qu

Carreiras de Estado repudiam estratégia do governo de culpar servidor pela crise econômica - O Fórum das Carreiras de Estado (Fonacate) divulgou nesta sexta-feira (1º) nota à imprensa e à sociedade repudiando a es

ANFIP - TCU suspende pagamento de bônus para aposentados - A ANFIP publicou matéria sobre a suspensão do pagamento de bônus para aposentados e pensionista. A notícia está assim re

Dívida Explode. Por que? - Dívida explode. Por que?Auditoria Cidadã da Dívida25/7/2017Hoje os jornais alegam que a dívida pública federal

Vladimir Safatle alerta para o fim do emprego - Nunca na história da República o Congresso Nacional votou uma lei tão contrária aos interesses da maioria do povo brasil

+ Notícia

 
AGITRA - Associação Gaúcha dos Auditores Fiscais do Trabalho
home | Fale Conosco | localização | convênios
Av. Mauá, 887, 6ºandar, Centro, Porto Alegre / RS - CEP: 90.010-110
Fones: (51) 3226-9733 ou 3227-1057 - E-mail: agitra@agitra.org.br